Tenho Dito!

Por que algumas pessoas se recusam a comer carne?


É bem provável que você já tenha conhecido alguém que não come carne (nem frango, nem peixe, nem camarão…). Se não conheceu e nem nunca fez uma experiência do tipo, é bem capaz de ouvir falar neles nos próximos anos. Os vegetarianos já são 8% da população brasileira (de acordo com o último senso do IBGE) e o mercado está aumentando a atenção em relação a esse público.

Por que algumas pessoas se recusam a comer carne

Nas grandes capitais, é fácil encontrar restaurantes vegetarianos ou com opções para esse público. Outra novidade é o crescimento do número de profissionais de saúde especializados na orientação para pessoas que não comem carne ou não consomem nenhum produto de origem animal (os chamados veganos).

Por que algumas pessoas se recusam a comer carne

Minha opção pelo vegetarianismo teve início depois que assisti ao vídeo A Carne é Fraca (no final do post), em março de 2012. Além de ver como os animais que nós comemos são tratados (ou maltratados e torturados, melhor dizendo), passei a fazer “testes” e a passar alguns dias da semana sem carne.

Por que algumas pessoas se recusam a comer carne

Com o tempo ficou mais fácil e hoje nem penso em voltar atrás. Ao contrário do que muita gente pensa (quase todo mundo que não é vegetariano) a alimentação sem carne é uma delícia e é bem mais criativa. Por isso optei por mostrar alguns exemplos de pratos vegetarianos nesse post.

Por que algumas pessoas se recusam a comer carne

A saúde também melhora se o vegetariano procurar informações e fizer as substituições certas dos alimentos. Hoje, por exemplo, como mais verduras e muito feijão, que é o principal substituto da carne, ao invés do que muita gente pensa sobre a soja. Enfim, sem a carne no prato, nós também estamos minimizando os impactos que a pecuária causa ao meio-ambiente e colaborando para que a indústria repense o modo como os animais são tratados.

Se você quer saber mais sobre essa opção, sugiro o vídeo abaixo:





Gostou? Curtiu? Compartilhe!

Divulgue no Orkut

8 Comentários

  1. christian:

    meo deos

  2. Maria Luiza:

    Olá, assisti 5 minutos de vídeo e encontrei diversos equívocos. Para deixar bem claro, que não consumo carne vermelha, e sou estudante de veterinária, sendo assim a favor do bem estar animal acima de tudo.
    Para começar,o aumento na produção animal, é resultado do aumento na população mundial. Mais bocas para alimentar faz- se necessário mais alimento.
    Segundo o desmatamento na amazônia e em outras regiões pode ter sido causado pela pecuária, mas isso só ocorre pela falta de terras produtivas para a produção, enquanto isso as terras indígenas, que são altamente férteis e produtivas estão sem nenhum uso. Ou seja os índios possuem um grande numero de terra, mas não tiram proveito delas, se fossem fornecidas aos produtores, não seria necessário o desmatamento. Não tenho nada contra os índios isso é uma questão politica muito mal resolvida! E essa é a minha opinião dos 5 primeiros minutos de vídeo.

  3. Coach:

    http://www.magroparasempre.com/infopage.aspx?pack=mps&cid=320507&ad=XX

  4. Mari:

    O feijão é o principal substituto da carne? De onde vc tirou isso? E isso quer dizer oq???
    Feijão tem pouco ferro, não tem proteínas completas(pq só tem aminoácidos, por isso, só oferta proteína se for consumido junto do arroz) e o ferro q contém é pouco biodisponível
    Explique-se por favor!

  5. Aline:

    Acho incrível que mesmo com um índice tão alto de pessoas vegetarianas, muita gente ainda se assusta com isso… Dica: Saiam de suas cavernas ;D
    Ótima postagem. Parabéns!

  6. mateus:

    Eu como carne mesmo , eu preciso , sou atleta , preciso de bastante proteina , é impossível conseguir comer 300g de proteina por dia sem carne.

  7. daniely:

    EU não sabia desse documentário e eu mostrei ao meu namorado e o que eu vinha falando a ele há um ano o documentário mostrou a ele em uma hora ele ficou tão surpreso que decidiu que vai parar de comer carne.

  8. Catarina (Tenho Dito):

    Olá, Mari e Mateus, obrigada pelos comentários.
    Sobre a substituição de carne por feijão, encontrei alguns links interessantes (outro substituto com muita proteína é a soja, que fica uma delícia):
    http://www.centrovegetariano.org/Article-326-%2BComo%2Bsubstituir%2Ba%2Bcarne%253F.html
    http://claudia.abril.com.br/materia/cardapio-vegetariano-aprenda-a-substituir-carnes-por-outras-proteinas/?p=/saude/prevencao-e-cura
    Mateus, quanto ao fato de você ser atleta, eu conheço vários exemplos de pessoas que treinam pesado e adotam uma dieta sem absolutamente NADA de origem animal.
    Alguns exemplos:
    http://vista-se.com.br/redesocial/atleta-vegano-de-91-anos-bate-recorde-em-maratona-nos-eua/
    e dá uma olhada nesse blog também:
    http://danielmeyerultramaratonista.blogspot.com.br/
    Abraços e muito obrigada pelos comentários!!