Tenho Dito!

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)


Secar a barriga é a meta de 9 entre 10 mulheres. E isso porque essa que sobrou certamente está com tudo no lugar. Mas pra garantir o resultado, a alimentação acaba sendo bem mais determinante do que os exercícios, que apenas melhoram o resultado. Confira e siga essas dicas para alcançar uma silhueta bem mais sequinha:

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

1 – ABUSE DO LIMÃO
A classe de bioativos do limão, chamados polifenóis, são capazes de eliminar o ganho de peso e o tecido adiposo nos animais, de acordo com pesquisadores. Outra vantagem é que o limão facilita o metabolismo das gorduras. Além disso, o limão contém pectina, substância rica em fibras, que ao ser digerida transforma-se em um gel aderente que impede o estômago de absorver o açúcar mais depressa e aumenta o poder de saciedade. Mais um ponto para quem não quer acumular aquelas gordurinhas na região da barriga.

Como consumir: 4 copos de limonada ao dia — o primeiro deve ser em jejum (12 calorias por unidade).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

2 – ALCACHOFRA FAZ A BARRIGA SECAR
Essa flor possui oxidase, enzima que regula a fome. Também é um alimento diurético e com alta concentração de inulina (fibra alimentar). A ação da oxidase e o fato de ser um alimento diurético auxilia a perda de peso. Além disso, regula a glicemia, facilita a digestão de gorduras e ainda possui vitaminas do complexo B, potássio, cálcio, fósforo, sódio e ferro. A concentração de inulina mantém a flora intestinal saudável, colaborando para diminuir a barriga.

Como consumir: As cápsulas possuem uma maior concentração da oxidase. A indicação é tomar 3 por dia, antes das principais refeições (64 calorias por unidade).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

3 – LICHIA PODE DIMINUIR ATÉ 15% DA SALIÊNCIA
Dentro dessa frutinha existe uma substância chamada cianidina que age no metabolismo das gorduras. “Ela está mais presente na casca que, infelizmente, é desprezada na hora do consumo. No entanto, tem pequenas quantidades na polpa, gerando benefícios”, diz a nutricionista Roseli Ueno, de São Paulo. Além de auxiliar a queima de gorduras, a lichia é rica em vitamina C e possui antioxidantes que previnem o envelhecimento e o aparecimento de doenças como câncer, alergias e processos inflamatórios.

Como consumir: in natura e logo após ser descascada. Armazene-a na geladeira porque exposta a temperaturas altas, amadurece um pouco mais rápido (6 calorias por fruta).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

4 – MAÇÃ É FRUTA ANTIBARRIGA
Rica em vitamina C, ela auxilia no metabolismo das gorduras e evita a retenção de líquidos. Outro ponto positivo: por ser rica em fibras, ela ajuda a aumentar a saciedade. Uma pesquisa realizada na Universidade do Estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos, revelou que 1 maçã ingerida 15 minutos antes de uma refeição é 5 vezes mais eficiente no controle do apetite do que um comprimido sintético, que tem o mesmo objetivo. E a pectina presente na fruta ainda torna a digestão mais lenta.

Como consumir: coma de 1 a 3 maçãs por dia, com casca e tudo (97 calorias por fruta).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

5 – CANELA DESTRÓI A GORDURA
A canela reduz a glicose no sangue e estimula a digestão, e por isso é ótima para quem está em processo de emagrecimento. Esse tempero também faz parte dos alimentos termogênicos que aumentam a temperatura corporal, fazendo com que o metabolismo acelere para manter a temperatura ideal. Um estudo publicado na revista Diabetes Care revelou que a canela também tem a capacidade de reduzir o nível de açúcar no sangue e aumenta a dilatação dos vasos sanguíneos. Ou seja, uma ótima pedida para você evitar o acúmulo de gordurinhas indesejadas na barriga.

Como consumir: 1 colher (café) por dia misturada a sucos, vitaminas, frutas, iogurtes e até em receitas salgadas (20 calorias por colher).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

6 – KIWI AJUDA A SE LIVRAR DAS GORDURINHAS
Além de ser delicioso, o kiwi acelera o metabolismo, forçando o organismo a trabalhar mais para digerí-lo. A fruta tembém é uma excelente fonte de vitamina C (ótima para prevenir o envelhecimento) e de potássio, que ajuda a diminuir a retenção hídrica, acabando com o inchaço e a barriga estufada.

Como consumir: 2 kiwis por dia já são suficientes, de preferência combinados com outras opções de fruta pra que nenhuma fique enjoativa com o passar do tempo (46 calorias por fruta).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

7 – IOGURTE ELIMINA OS ESTOQUES DE GORDURA
O iogurte já é figurinha fácil em dietas de emagrecimento. E quando se fala em barriga chapada ele não fica de fora. A versão desnatada tem poucas calorias, ajuda a regular o intestino e é rica em cálcio, substância amiga da perda de peso. Um estudo feito no Instituto de Nutrição da Universidade do Tenesse, nos EUA, mostrou que o cálcio presente no iogurte de baixas calorias diminui o processo de estoque de gordura, ajudando a combater a obesidade.

Como consumir: 2 iogurtes naturais por dia (73 calorias por unidade).

8 passos pra secar a barriga (e não deixar ela voltar)

8 – TROQUE A CERVEJA PELO CAFÉ E DÊ ADEUS À BARRIGUINHA!
Aquela xícara de café que você toma pela manhã pode ajudá-la a combater as gordurinhas da barriga. Várias pesquisas estão provando isso. Em uma delas, realizada na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), a bebida foi apontada como opção para quem quer emagrecer. Isso por causa da presença da cafeína, que age como estimulante, aumenta o metabolismo e ainda auxilia a queima de calorias. Outro estudo, publicado no jornal Metabolism, confirmou que tomar 2 copos de café por dia ajuda a mulher a queimar até 50 calorias a mais do que normalmente ela gastaria nas 4 horas após ingerir a bebida.

Como consumir: 4 vezes por dia (26 calorias por xícara).

[Fonte: Revista Shape]




Emprego: as perguntas mais bizarras e as mais comuns nas seleções


As perguntas mais bizarras feitas em 2011 durante entrevistas de emprego motivaram uma comunidade de empregos e carreira dos Estados Unidos a criar uma lista de esquisitices.

Emprego: as perguntas mais bizarras e as mais comuns nas seleções

Na lista estão perguntas sobre como acabar com a fome no mundo, faxina e sua opinião sobre os anões de jardim.

Pois é, mas se você acha que vai apenas se divertir com esse post, um alerta: muitas dessas perguntas foram feitas em seleções de empresas como Google e Amazon.com. Meio preocupante, né?

Veja o ranking, elaborado pelo site Glassdoor:

1 – Quantas pessoas estão usando o Facebook em San Francisco às 14h30 de uma sexta-feira? (Google)
2 – Você só precisa me entreter por 5 minutos, eu não vou falar. (Acosta)
3 – Se os alemães foram o povo mais alto do mundo, como você poderia provar isso? (Hewlett-Packard)
4 – O que você acha dos anões de jardim? (Trader Joe’s)
5 – A sua nota média anual na faculdade reflete seu potencial? (Advisory Board)
6 – Será que Mahatma Gandhi seria um bom engenheiro de software? (Deloitte)
7 – Se você pudesse ser o empregado nº 1 e todos os seus colegas não gostassem de você ou você poderia ser o 15º e todos gostassem de você. Qual você escolheria? (ADP)
8 – Como você acabaria com a fome no mundo? (Amazon.com)
9 – Quarto, mesa e carro, qual você limparia primeiro? (Pinkberry)
10 – A vida te fascina? (Ernest & Young)

Emprego: as perguntas mais bizarras e as mais comuns nas seleções

Agora, além de nos preparar para as bizarrices, o site também teve o cuidado de listar as perguntas mais comuns em 2011 nas entrevistas de emprego. Confira!

1 – Quais são seus pontos fortes?
2 – Quais são seus pontos fracos?
3 – Por que você está interessado em trabalhar nesta empresa?
4 – Onde você se vê em 5 anos ou 10 anos?
5 – Por que você quer deixar sua empresa atual?
6 – Por que houve uma lacuna no seu emprego entre esse período?
7 – O que você pode oferecer que outro candidato não pode?
8 – Quais são as três coisas que o seu ex-gerente gostaria que você melhorasse?
9 – Você está disposto a se mudar?
10 – Você está disposto a viajar?




Categorias: Curiosidades,Dicas
Tags: , , , , , , , , ,
3 de janeiro de 2012 | Por Redação | Comentários desativados em Emprego: as perguntas mais bizarras e as mais comuns nas seleções

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais


O réveillon já passou, mas o medo que os animais de estimação sentem dos fogos de artifício tende a continuar se repetindo ao longo do ano.

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais

O problema pode ser mais sério do que muita gente pensa, já que alguns bichos ficam em pânico durante as festa de fim de ano, jogos de futebol e outras datas marcadas por muito barulho.

A boa notícia é que algumas dicas podem diminuir e até evitar o sofrimento dos animais, veja:

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais

1 – Crie um refúgio
Deixe o seu bichinho em um local onde ele se sinta seguro. Mantenha a luz acesa e, se ele estiver acostumado, deixe TV e rádio ligado. Converse um pouco, faça carinho e vá visitá-lo sempre que der, se não for possível ficar perto dele.

2 – Ajude-o a se sentir protegido
Além de criar um ambiente isolado, é importante tentar diminuir os ruídos. Vale usar cobertores pesados ou ate mesmo um colchão tampando a janela e outras frestas.

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais

3 – Tampões
Alguns veterinários aconselham o uso de tampões de algodão nos ouvidos, que podem ser colocados minutos antes e tirados logo após os fogos.

4 – Não puna seu animal
A dica vale mesmo se ele fizer xixi no tapete ou tomar outra atitude extrema. É preciso considerar o estresse pelo qual ele está passando, sempre.

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais

5 – Não dê atenção exagerada
As dicas que demos até aqui têm a função de minimizar o sofrimento que os fogos causam nos bichos e tentar minimizar ao máximo os transtornos. Mas não é indicado dar colo demais ou ficar grudado no bicho o tempo todo. Caso contrário, a tendência é ele ficar dependente do seu comportamento, não conseguir aprender a lidar com o medo e não querer nunca mais ficar sozinho numa situação com essa.

6 – Evite fugas
Uma das primeiras coisas a fazer nas noites de festa é fechar bem as portas e as janelas. No desespero, cães e gatos tentam fugir, e o pânico desorienta o animal, que tende a correr desesperado e sem destino. Animais com certa idade podem sofrer paradas cardiorrespiratórias, convulsões e diversos outros problemas.

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais

7 – Identifique seu animal
Coloque uma coleira com plaqueta de identificação e telefone de contato no seu cão ou gato, em caso de fuga. A coleira do gato deve ser elástica, para que não haja risco de enforcamento ao se prender a um galho ou outro objeto.

8 – Solte a coleira
Não deixe seu cachorro ou gato na coleira. Muitos animais, quando presos, morrem por enforcamento, no desespero de fugir dos fogos e rojões. Se precisar isolá-lo, deixe-o fechado num quartinho.

Fogos de artifício: como evitar o sofrimento e o medo dos animais

9 – Grave o som de fogos pra ele se acostumar
Essa dica é da Hill’s, uma fabricante de alimentos para animais. Grave o som de fogos de artifício ou trovão e coloque para tocar em um volume baixo. Enquanto isso, confira a reação do seu bicho e tente distrai-lo com brincadeiras. Aos poucos e de tempos em tempos, vá aumentando o volume. Se ele voltar a mostrar medo, tente mais tarde. O processo pode ser demorado em alguns casos, mas vai ajudar os bichinhos, sobretudo os cães, a conviverem melhor com o barulho dos fogos de artifício.

[Fonte: meuzoologico]




Categorias: Curiosidades,Dicas,TenhoDito!
Tags: , , , , , , , , ,
2 de janeiro de 2012 | Por Redação | 1 Comentário

Os 50 melhores links de 2011


O jornalista Carlos Willian Leite prestou um serviço e tanto a todos nós nesse finalzinho de ano. Na lista abaixo, ele selecionou 50 links sobre os mais diversos (e interessantes) temas que a internet coloca ao nosso dispor. Se você gosta de poesia, filmes clássicos, desenho animado, Beatles… ou se precisa conjugar verbos, estudar outros idiomas e ouvir música, não perca essa oportunidade!

As dicas são resultado de um ano de posts na coluna Web Stuff, e foram publicadas no site no Jornal Opção.

Os 50 melhores links de 2011

Toda a obra poética de Fernando Pessoa para download

500 clássicos do cinema para ver on-line no YouTube

Todas as capas de álbuns lançados pela lendária Blue Note

70 mil imagens dos oito maiores fotógrafos da história

Os 50 melhores links de 2011

Ilustrações raras de um dos maiores personagens da história da literatura: Dom Quixote de la Mancha

Conjugador de verbos on-line

Uma das maiores bibliotecas do mundo disponibilizou parte de seu acervo para consulta on-line

Querida fotografia: todos os sentimentos em fotos sobrepostas

Mapa mundial dos estereótipos

144 sites educacionais

A maior coleção de fotografias históricas do mundo (da Library of Congress)

Um buscador de imagens gratuitas de alta resolução

Um buscador de música que monta uma playlist do artista pesquisado e outra por afinidade musical

Os 100 melhores começos de livros

Todas as entrevistas da lendária “Paris Review” (Eliot, Hemingway, Borges, Burroughs, Beauvoir, Kerouac)

Toda a obra de Wolfgang Amadeus Mozart para download legal

90 clássicos literários de autores portugueses para download

Biblioteca musical do IMS (100 mil obras, raridades de 78 rotações do início do século XX)

Os livros de Cortázar: livros, dedicatórias, anotações, bilhetes, recortes de jornal

1001 álbuns para ouvir (on-line) antes de morrer

Os 50 melhores links de 2011

195 episódios do Pica-Pau para ver on-line (em português)

A única entrevista de Georges Bataille filmada

Todos os arquivos do Canal Futura para download

100 livros sobre Comunicação (em português) para download livre

Cartas de rejeição de escritores famosos: Jack Kerouac, Gertrude Stein, Nabokov…

Os arquivos de Albert Einstein

A maior coleção de mapas de alta resolução da internet

Ezra Pound em áudio

63 mil pinturas, em alta resolução, de cinco mil artistas

Um olhar sobre o Afeganistão por meio de um iPhone

A história do jazz clássico em 1600 fotos

Os 50 melhores links de 2011

A obra completa de Machado de Assis para download

Todas as fotos da sessão que originou a capa do álbum “Abbey Road”, dos Beatles

O caderno secreto de Leonardo da Vinci

O museu dos saudosistas (programas antigos)

Documentário sobre o Afeganistão que não conhecemos

Os arquivos de Steven Spielberg

A obra completa de Paul Cézanne

Toda a obra de Charlie Chaplin, como ator, disponível on-line

Os melhores trompetistas de jazz do mundo

138 mil fotos do Memorial do Holocausto, estão disponíveis on-line

Os 50 melhores links de 2011

Todos os desenhos animados dos Beatles

200 clássicos da música erudita para ouvir no YouTube

As bibliotecas mais impressionantes do mundo

3 milhões de lições de pronúncia em 60 idiomas

Os 10 melhores começos de livros

Os 10 melhores finais de livros

Os 10 melhores poemas de todos os tempos

Documentário de João Moreira Salles sobre Nelson Freire

50 mil filmes e documentários de curta duração para assistir on-line




Categorias: Curiosidades,Dicas,TenhoDito!
Tags: , , , , , , , ,
26 de dezembro de 2011 | Por Redação | Comentários desativados em Os 50 melhores links de 2011

Cocô diz muito sobre a sua saúde


Você talvez já tenha ouvido falar nisso, mas se for minimamente parecido comigo deixou a informação passar logo. Pois acredite: o cocô diz muita coisa sobre a nossa saúde. Em casos mais graves, ele pode denunciar até o início de um câncer de intestino. No dia a dia, pode indicar se estamos nos alimentando bem, comendo gordura ou açúcar demais ou se existe alguma razão pra procurar um médico.

Veja essas dicas e entenda porque é importante dar uma olhadinha antes de acionar a descarga.

Cocô: ele diz muito sobre a sua saúde

1) COR

É importante que as fezes tenham a cor marrom, que é a mais comum. Uma cor parecida com vermelho indica sangramento ou ingestão de alimentos muito pigmentados, como gelatina, cereais vermelhos, suco de tomate, beterrada ou medicamentos com essa cor.

Já se forem mais escuras, as fezes podem indicar que há sangramento no estômago ou excesso de ferro no organismo. Para quem achou o cocô meio verde, o conselho é relaxar. A cor é causa do consumo de gelatina verde, alimentos com ferro e espinafre.

Já se a suas fezes estão esbranquiçadas ou amarelas, tenha um pouco mais de atenção: isso pode acontecer por causa do excesso de leite, mas também pode ser consequencia do uso de antiácidos ou até de hepatite. A aparência amarelada também pode ser causada por um parasita chamado giárdia.

Cocô: ele diz muito sobre a sua saúde

2) APARÊNCIA

Muco ou sangramento nas fezes são sinais mais preocupantes e o conselho é realmente procurar um médico. Isso pode significar que você tem hemorróidas, colite ou até mesmo câncer.

Já as fezes muito gordurosas são típicas de má absorção de algum nutriente. Se forem acompanhadas de muitos gases, por exemplo, podem indicar uma má absorção de carboidratos.

Um cocô amolecido e pastoso e com pedaços de alimentos pode ser sinal de intoxicação alimentar, intolerância a lactose, uso de antibióticos e antiácidos e até denunciar situações de muita ansiedade.

Cocô: ele diz muito sobre a sua saúde

3) DESCONFORTO

Sentir dor na hora de fazer cocô pode significar que você está com hemorróidas ou está comendo poucas fibras no dia a dia.

E se as fezes têm um cheiro fedido demais, outro motivo para ter atenção: esse pode ser um sinal de desequilíbrio da flora intestinal ou um excesso de proteína animal que pode ter apodrecido dentro do intestino, antes de ser eliminado.

4) FORMATO

Se o seu cocô é fino e comprido, atenção: ou você está comendo poucas fibras ou existe algum problema que atrapalha a passagem das fezes.

Já se as fezes aparecem no formato de bolinhas pequenas e ressecadas, você pode estar com o intestino preso, o que denuncia falta de fibras, falta de água e excesso de gordura, fast foods e alimentos industrializados.

5) OUTRAS DICAS LEGAIS

Se suas fezes boiam isso signifca que ela tem maior concentração de fibras e que está tudo bem nesse quesito. Já se elas afundam, isso mostra uma maior concentração de gorduras no seu organismo.

Quando alguma coisa não vai bem com a nossa digestão o próprio corpo se encarrega dos alertas. Sentimos dores, cólicas, barriga inchada e acumulamos gases, além de experimentar uma sensação geral de desconforto.

Na hora de ir ao banheiro, procure ficar o mais próximo possível da posição que faria se estivesse de cócoras. Vale apoiar os pés num banquinho ou numa pilha de jornais, porque isso facilita bastante a eliminação total das fezes.




Categorias: Curiosidades,Dicas
Tags: , , , , , , ,
18 de dezembro de 2011 | Por Redação | 25 Comentários

Página 2 de 81234567Última »

alimentação apple atriz atrizes beleza cantora carro casamento celebridades chocolate cinema cuidado curiosidade curiosidades dica dicas dieta emagrecer filme fotos futebol game humor imagens ipad Jogador jogos lady gaga lançamento Libertadores maquiagem mulheres musica neymar novidade pesquisa receita santos saúde tecnologia televisão video vídeos wiliam youtube