Tenho Dito!

Pai de aluguel já existe


Calma, gente. Essa facilidade ainda não pode ser usada por mulheres que querem engravidar – reparou no “ainda”, né?!

O serviço, pioneiro no mundo, foi criado na Rússia e pode ser usado por quem já tem filhos, mas quer que eles passem um tempo com uma figura masculina.

Uma diária do profissional custa entre R$ 230 e R$ 345 e ele pode ser contratado para passar um fim de semana e brincar com as crianças, levá-las ao cinema, ajudá-las a fazer as tarefas de casa e passear. Eles também participam dos afazeres domésticos, levam as crianças à escola e passam tempo com os “filhos” em casa.

Pai de aluguel já existe

Naturalmente, a oferta gerou polêmica. Para psicólogos, é preocupante que um serviço como esse seja necessário. Na Rússia, onde o pai de aluguel vem se popularizando, 30% das crianças são filhas de mães solteiras, segundo o Ministério da Saúde e do Desenvolvimento Social do país.

Preocupante ou não, bem que eles podiam cobrar mais barato, né?!

[Fonte: Revista Pais e Filhos]





Gostou? Curtiu? Compartilhe!

Divulgue no Orkut