Tenho Dito!

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil


Tudo bem que faz mal à saúde, é cheio de gordura e não colabora com nenhum dieta. Mas a verdade é que o sanduíche de fast food tem um gostinho bem mais especial que o de casa ou o da padaria da esquina. Se você tentar exercitar o auto-controle como essa que vos escreve, dá até pra conviver com ele numa boa sem fazer muito estrago.

O problema é que nem todas as opções produzidas pelas grandes redes são colocadas à venda no Brasil. Opções com frutas, cebolas fritas, queijos especiais e até sanduíches vegetarianos já existem, mas só em outros países.

Veja algumas opções vendidas pelo Mc’Donalds e Burger King e veja o que a gente tá perdendo:

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Esse aí de cima é o Angry Whooper, feito com hambúrguer, picles, tomate, alface, maionese, queijo picante e anéis de cebola empanada. Mas pra experimentar, só mesmo viajando à Itália.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Na Inglaterra, quem é vegetariano também pode comer fast food. O Veggie Bean Burger é feito de feijão empanado com queijo, tomate, alface e maionese.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

O Pampeano é um dos sanduíches exclusivos do Burger King argentino e leva parrilla, maionese, tomate, presunto, queijo e pão caseiro.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Já os chilenos que frequentam o McDonald’s têm como opção o McPollo Italiano, que leva peito de frango empanado, tomate, maionese e purê de abacate.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Se você estiver planejando uma viagem à Espanha, pode ter a chance de provar o Steakhouse Ceasar, que leva carne de vitela, queijo grana padano, molho Ceasar, bacon, cebolas fritas crocantes, tomate, alface e pão com gergelim.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Os peruanos que são fãs de fast food podem aproveitar o Steakhouse Champignons na rede Burger King, feito com parrilla, cebolas crocantes, champignons sauté, molho barbecue, queijo suíço, alface e tomate em um pão especial.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Na Argentina e no Paraguai uma das opções é sanduíche Napolitano, feito com hambúrguer bovino, presunto, queijo, tomate, maionese e pão com gergelim.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Os vegetarianos em passagem pela Alemanha podem provar o Country Burger, com legumes empanados no pão integral, alface, tomate, cebola, picles e pão especial.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Jamaica e Paraguai dividem um mesmo lanche em seu cardápio, o King Francês, feito com filé de frango empanado, maionese cremosa, presunto, queijo suíço e pão com gergelim.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Chilenos e canadenses também têm uma opção de lanche que não existe no Brasil: é o Rodeo ou Western, que tem hambúrguer bovino, anéis de cebola empanada, molho barbecue e queijo cheddar.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Frango empanado, queijo, bacon, dois tipos de alface e abacaxi no pão com gergelim compõem o BK Hawaiian, oferecido apenas na rede neo-zeolandesa. Meio longe, né?!

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Também na Nova Zelândia, a rede Burger King conta com o Honey Mustard Tendercrisp, feito com filé de frango empanado, queijo cheddar, cebolas roxas, alface, tomate e molho de mostarda e mel.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Na Alemanha e nos EUA é possível degustar o McRib, um sanduíche de costela suína com molho barbecue, cebola e picles.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

O Doble Italiana, servido no Burger King chileno, é feito com maionese, tomate, dois hambúrgueres e abacate.

Fast food: os sanduíches que não existem no Brasil

Nos EUA o McDonald’s serve o sanduíche Angus Mushroom & Swiss, feito com hambúrguer bovino, cogumelos Paris sauté e duas fatias de queijo suíço.

[Fonte: Terra]





Gostou? Curtiu? Compartilhe!

Divulgue no Orkut

5 Comentários

  1. Armin:

    Aqui, no Brasil, também temos nossos específicos. A rede Bebelu, por exemplo, serve o sanduíche “Paidégua”, com hamburguer de carne de sol.

  2. ariane:

    pra que botar creme de abacate no negócio meu deus

  3. Antonio:

    Todo mundo sabe que esses lanches do MC e do BK só são assim nas imagens, na real são umas porcarias. Por isso que eu não troco o big torpedão do Sanduiche do Gordinho por nenhum desses.

  4. Victor:

    Faltam opções vegetarianas no brasil, mas o bom é que assim evitamos o fast food e junk food!

  5. Guilherme:

    Não interessa… Subway ainda é melhor, e não tem essa viadagem de “exclusivo no país”!!!